Mulheres solteiras tem direito ao Bolsa Família? Entenda

O Bolsa Família é um programa de transferência de renda muito importante para os núcleos familiares de baixa renda no país. Assim como todos os programas sociais, para receber o auxílio do Bolsa Família é necessário preencher alguns requisitos básicos. Estes requisitos acabam levantando muitas dúvidas, por exemplo, você sabe se mulheres solteiras tem direito ao auxílio do programa? Entenda mais a seguir:

Como funciona o Bolsa Família?

Como você já sabe, o Bolsa Família é um programa de transferência de renda que é administrado pelo Governo Federal. O maior intuito do programa é modificar o cenário de pobreza no país.

O programa funciona beneficiando com um valor base mensal, que pode ser alterado de acordo com o acréscimo de crianças e jovens dependentes cadastrados.

Este valor deve ser direcionado ao cumprimento das necessidades básicas da família como alimentação, vestimenta, transporte, saúde, entre outros.

Mulheres solteiras podem receber o auxílio?

Para receber o auxílio do programa é preciso que as famílias cadastradas preencham alguns requisitos. O Bolsa Família se divide em duas categorias, a de pobreza extrema e a de pobreza.

Quem quer se cadastrar para receber o suporte financeiro como a primeira categoria deve possuir um valor individual equivalente a R$ 85,00. Para a segunda categoria, é necessário que a renda mensal por pessoa esteja ente R$ 85,01 e R$ 170,00.

Vale lembrar que o valor da bolsa sofre influência direta do salário mínimo e com o reajuste passando de R$ 954,00 para R$ 998,00 mudanças podem ocorrer para quem vai receber de acordo com o calendário Bolsa Família 2019.

Mas e as mulheres solteiras, têm direito a receber o auxílio ou não? A média de faixa de renda por pessoa é o principal requisito do programa, portanto, mulheres solteiras e casadas, com ou sem filho, podem ter direito ao suporte do Governo se estiverem de acordo com a exigência socioeconômica.

Como se inscrever no programa?

Se você está de acordo com as exigência e quer receber o suporte financeiro do Bolsa Família, é preciso realizar o seu cadastro no Bolsa Família 2019.

Este tipo de cadastro irá exigir registro da família no Cadúnico, por isso, é importante que o responsável pela família leva a sua documentação pessoal e a de seus dependentes a um órgão responsável pelo programa na sua cidade.

Geralmente, este órgão é o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), portanto, quanto antes você procurar a instituição melhor. Vale lembrar que será marcada uma visita com uma assistente social do programa.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Navigation